Brasil é o país que mais ouve músicas tristes na quarentena, aponta pesquisa

26 de junho de 2020

Levantamento do DeltaFolha reuniu dados e comprovou que não está nada fácil para o brasileiro.

Foto Stock via Shutterstock

 

Você sabia que o Brasil é o país que mais ouve músicas tristes na quarentena? É o que conclui uma nova pesquisa idealizada pelo DeltaFolha, que comprovou o que a gente já sabe: não está fácil para o brasileiro, que obteve o maior índice de “variação de tristeza” entre 34 países analisados.

Usando os números do Top 200 do Spotify nesses países, o instituto chegou à conclusão de que a lista brasileira é a que possui mais músicas consideradas tristes. Para definir isso, é considerada a “valência”, ou seja, a métrica que “identifica por algoritmos traços melódicos das canções para classificar as faixas como mais ou menos felizes”.

É fato que o isolamento social em si prejudica algumas das canções com maior valência, como as de pop ou funk, que geralmente são escutadas em festas.

Ainda assim, algumas novas músicas nesses estilos conseguiram ser emplacadas. É o caso de “Na Raba Toma Tapão”, do MC Niack, e de Pabllo Vittar, ainda que esta tenha entrado no Top 200 com algumas faixas menos entusiasmadas como “Salvaje” e “Ponte Perra”.

As canções com temas de quarentena também fizeram sucesso, como conta a pesquisa. “Me Conta da Tua Janela”, de Anavitória, e “Você pra Sempre em Mim”, de Tiago Iorc, estão entre elas; entre os internacionais, The Weeknd emplacou um dos hits da quarentena por aqui com a triste “Alone Again”.

Outro fator que influenciou no ranking foi o surgimento dos protestos antirracistas através do mundo, dando mais ibope para canções relacionadas às manifestações como “Alright”, de Kendrick Lamar, e “This Is America”, de Childish Gambino — ainda que nenhuma destas seja exatamente nova.

Você pode ver o resultado completo da pesquisa nesta matéria, mas foi possível definir quais foram os três hits da quarentena. Além de “Alone Again”, a clássica “Tempo Perdido”, do Legião Urbana, voltou a fazer muito sucesso e “A Boba Fui Eu”, romântica canção de Ludmilla, também se destacou.

Fonte: TMDQA!

Inscreva-se

hash track

Peça seu som e ouça no Hashtrack!

Exemplo:
Artista: Neil Young
Música: Rockin' In The Free World
#Esse som é muito marcante pra mim porque foi o primeiro que rolou na minha programação.

Aplicativo

Você pode ouvir a rádio Mundo Livre direto no seu smartphone.

Disponível no Google Play Disponível na App Store

2020 © Mundo Livre FM. Todos os direitos reservados