Oito ações sugeridas para artistas em tempos de pandemia

19 de março de 2020

O Blog da Tratore, maior distribuidora de música independente do Brasil, preparou 8 dicas para artistas em tempos da pandemia.

A ação devastadora do Covid-19, que tem levado a milhares de mortes e ações sanitárias extremas em diversos países, tem tido impacto inédito na economia global. Em especial, o mercado da música é prejudicado, uma vez que entre seus principais pilares estão as apresentações ao vivo, temporariamente suspensas para evitar a disseminação do vírus. O cancelamento de shows, festivais e turnês prejudica não apenas artistas, mas também casas de show, produtores executivos, técnicos de som, iluminadores e mais trabalhadores da cadeia.

Muitas ações e estruturas terão de ser repensadas em função da pandemia. Mas o que um artista pode fazer para tanto manter seu trabalho circulando em um momento tão desafiador para o segmento, quanto ser uma voz ativa em meio à crise?

  1. Interagir mais com seu público nas redes sociais

Começando pelas ações num âmbito mais micro, utilize o isolamento temporário para estabelecer um senso maior de comunidade nas redes sociais. Troque experiências, impressões e dicas. Em um momento de retração social, é necessário sentir-se pertencente de outra forma. Também compartilhe informações úteis sobre o vírus, desde que sejam verificadas e de fontes oficiais – é um momento crucial para também combater a desinformação, que pode resultar em mais infecções e mortes.

  1. Fazer apresentações caseiras em vídeo

Uma vez que as aglomerações estão sendo evitadas, sejam por medida do poder público ou pela iniciativa de pessoas e estabelecimentos, compartilhe com as pessoas suas apresentações utilizando a internet. Grave ou faça streaming ao vivo de shows intimistas, que podem ir tanto do formato básico voz-e-um-instrumento captado com o celular a uma estrutura com mais de uma câmera e edição profissional – o que estiver dentro das suas possibilidades é o suficiente. É uma forma de não deixar de tocar o público com a sua música neste momento.

  1. Convidar seu público a te ouvir mais nas plataformas

Em tempos de isolamento social, parte da população está sendo orientada a trabalhar a partir de casa. Com essa mudança, é possível redistribuir de momentos de trabalho e lazer, aumentando as possibilidades de executar tarefas ouvindo a música que gosta. Faça playlists temáticas, chame o seu público para ouvir determinado trabalho com atenção, encontre formas novas de aumentar o contato das pessoas com a sua música dentro do streaming.

  1. Não deixar de lançar coisas novas

Caso possa e tenha planejado, presenteie seu público com lançamentos nas plataformas – mesmo que não seja possível tocar ao vivo esse novo repertório no momento. Com a restrição física de uma quarentena, as novidades na vida de uma pessoa ficam um tanto escassas. Então, se for possível trazer algo de novo para o seu público, não deixe de fazê-lo. As lojas digitais continuam funcionando normalmente, com os editores atualizando as principais playlists oficiais de modo a sempre destacarem novidades.

  1. Chamar seus fãs para comprarem seus produtos físicos online

Uma boa forma de os músicos gerarem renda neste momento é com a venda de produtos físicos online. Se você tem um pequeno estoque de CDs, vinis, camisetas e outros artigos, movimente esse material.

  1. Orientar seus espectadores a repensarem o pedido de reembolso para os próximos shows

Por motivo de força maior, todas as apresentações dos próximos meses estão sendo canceladas ou remarcadas para datas ainda a serem definidas. Oriente seu público para que não peça o reembolso desses ingressos no momento, uma vez que é uma situação inédita e esse gesto, feito em massa, retiraria de circulação um grande montante de dinheiro para toda uma cadeia. Peça a compreensão do público para que considere aquele valor investido como um gesto de boa fé, uma vez que o mercado tem uma crise a administrar pelos próximos meses.

  1. Repensar criativamente as entradas financeiras

O momento é crítico para vários entes da cadeia da música, portanto vale apoiar ou aderir a ações alternativas de incentivo financeiro direto. Se você pode dar aulas e workshops online, via Skype, Hangouts, Zoom ou outras plataformas, por que não fazê-lo? Caso queira abrir-se para doações do seu público, em um esquema de contribua-com-quanto-puder, PayPal e PicPay facilitam a transferência de quantias. Plataformas de financiamento coletivo como Patreon e Apoia.se são outra possibilidade, nas quais seus apoiadores podem repassar contribuições em troca de materiais exclusivos, que podem ser pontuais ou periódicos. Se você tem um público que gosta de games e se interessa em conversar contigo enquanto joga, por que não fazer um Twitch, no qual também é possível arrecadar junto a seus apoiadores? Existem várias plataformas e estratégias possíveis – a questão é pensar criativamente e avaliar a conexão dessa ação com seu público.

  1. Apoiar seus amigos artistas em lançamentos e ações

Vale tanto para campanhas de músicas e álbuns novos quanto para movimentações de classe, que buscam mobilizar o poder público para as questões das categorias da música, da arte e da cultura na atual circunstância. Ajude a espalhar a palavra e assim, a música pode se fazer presente como inspiração neste momento de crise – e também se restabelecer totalmente enquanto mercado assim que a pandemia passar.

Fonte: Tratore

Promoções

Ver todas

hash track

Peça seu som e ouça no Hashtrack!

Exemplo:
Artista: Neil Young
Música: Rockin' In The Free World
#Esse som é muito marcante pra mim porque foi o primeiro que rolou na minha programação.

Aplicativo

Você pode ouvir a rádio Mundo Livre direto no seu smartphone.

Disponível no Google Play Disponível na App Store

2020 © Mundo Livre FM. Todos os direitos reservados